Lendo agora
Yoga sob a perspectiva holística

Yoga sob a perspectiva holística

Nowmastê

Priscila Novaes*

Na visão holística, o Yoga pode ser observado como um sistema integrativo. Quem explica é a fundadora da Academia Holística de Desenvolvimento Humano (Acadesh), a carioca Norma Pinheiro Alves, que faz parte do seleto time de precursores da difusão do Yoga no Brasil e foi uma das primeiras alunas do professor Hermógenes.

Norma Pinheiro Alves

“A abordagem sobre o ser humano e os problemas que o afetam deve ser multidimensional. Um programa de ensino holístico fundamenta-se em quatro pilares estruturais: a filosofia, a ciência, a arte, além da religião, que está presente nas grandes tradições do saber”, resume. Nesta abordagem, sugere Norma, a teoria e a prática do Yoga devem ser estudadas de forma interdisciplinar. “Há uma interação entre todas as partes de um sistema holístico, um equilíbrio que torna viável o sistema como um Todo. O corpo e a mente estão interligados, e por isso, a concentração (dharana) é tão fundamental para o estudante e praticante de Yoga”, complementa a mestra em Educação Física pela UFRJ, que foi outorgada “Notável” pela Confederação Nacional de Yoga do Brasil (CONYB).

Por isso, em sua didática, a especialista faz questão de prezar pela cultura essencial do Yoga, que ultrapasse as barreiras corporais – e que encare o próprio corpo para além do campo físico:

“O corpo é uma energia em formação constante. O sistema do Yoga está muito além de praticar posturas. Existem muitas possibilidades em um programa holístico individualizado para potencializar os resultados de uma

Yogaterapia vista como educação integral”, indica, recomendando que, nessa perspectiva, o ensino e as aplicações do Yoga tenham sempre como objetivo a mudança de paradigma de uma adaptação negativa para uma adaptação positiva do ser, libertando-se das amarras da tensão e do estresse, a partir de uma aprendizagem das atitudes”.

Sobre esta mudança de paradigmas, no entanto, Norma pondera: “Isso não significa simplesmente livrar-se do estresse, como costumamos ler, mas sim promover uma harmonização física, mental e emocional, um equilíbrio entre a tensão produtiva e a pausa restauradora. A própria concepção do Hatha Yoga fundamenta-se no equilíbrio entre os opostos: Ha, o polo masculino, o Sol, dinâmico e expansivo; e Tha, o polo feminino, a Lua, a intuição e a consciência”, elucida.

Nas turmas da Acadesh, são utilizadas técnicas de ásanas, pranayamas e meditação.  O professor de Hatha Yoga do espaço, Rodrigo Iorio, compara: “O corpo é o templo da nossa essência. Na prática física da Hatha Yoga, aplicamos técnicas de purificação. É como nossa casa. Se temos o hábito de fazer uma limpeza interna, sentimos bem estar. Quando a casa está suja, buscamos externar, ficar fora. Assim funciona também com o corpo. A fuga para o externo atrapalha a comunhão com a nossa verdadeira natureza, que é o estado de contentamento, o estado de equanimidade em relação aos pensamentos”, finaliza o instrutor.

Professor Rodrigo Iorio (Hatha Yoga)

ACADESH

Fundada por Norma Pinheiro Alves, a Academia Holística de Desenvolvimento Humano (Acadesh), no Rio de Janeiro, é mais do que um espaço de prática de yoga. É um centro cultural do ensino milenar. Lá são oferecidas aulas de yoga e terapias holísticas com um objetivo principal: o autoconhecimento sob a perspectiva holística.

Acadesh

Estão abertas aulas de Hatha Yoga com o professor Rodrigo Iorio às terças e quintas, no horário do almoço, especialmente escolhido para atender a quem procura uma brecha no dia a dia profissional atribulado.

No local, também funciona uma das filiais dos grupos de meditação e satsangs da Siddha Yoga do Rio de Janeiro.

Serviço:

Shopping Downtown, Barra da Tijuca (bloco 13, sala 230).

Tel.: 21 2492.7829

Página no Facebook:  facebook.com/AcadeshYoga

priscila novaes

*Priscila é jornalista, produtora de conteúdo e adora entrevistar pessoas sábias.

Veja comentários

Deixe uma resposta

Vá para cima