Lendo agora
Sua alegria não deve depender dos outros

Sua alegria não deve depender dos outros

Avatar

Gustavo Tanaka*

diventor

Eu sofro com isso. Bastante.

Eu já entendi que somos todos um. Que não estamos separados. E que o outro é parte de mim.

E talvez por isso eu tenha dificuldade de ficar em paz e feliz por muito tempo.

Porque é difícil ficar feliz quando você vê gente que não está.

Às vezes bate até uma culpa.

Talvez você tenha tido um dia incrível. Talvez tenha saído pro mundo e visto coisas especiais. Tenha se relacionado com pessoas que te mostraram que vale a pena viver. Que o mundo é um lugar legal.

E aí, como uma criança que chega em casa para contar aos seus pais o que viu no mundo, você quer contar às pessoas mais próximas de você.

Mas aí você se decepciona. Porque essas pessoas não conseguiram ver a mesma coisa que você. E elas têm as suas preocupações. Talvez elas estejam em um loop de pensamentos negativos.

Enquanto sua espiral estava subindo, a deles estava descendo.

E você fica triste porque não foi apoiado. Porque não foi compreendido.

E o resultado disso é que você não consegue ficar bem por estar bem. E logo você fica mal também.

E aquele fluxo de energia de alta intensidade que você atingiu vai embora. E você fica sem energia.

Eu sei que isso acontece porque já vi acontecendo milhares de vezes.

E hoje eu tenho um entendimento melhor disso.

Por que isso acontece?

Porque eu coloco minha alegria como condicional.

Eu somente consigo ficar feliz se todo mundo ao meu lado também estiver.

Eu só consigo ficar super empolgado com uma ideia se as pessoas mais próximas a mim também estiverem.

Mas isso é a receita para viver com altos e baixos.

Porque sua alegria não deve depender de ninguém.

É fácil ficar feliz quando todos estão felizes e sorrindo e te apoiando.

Desafiador é continuar feliz quando as pessoas não te entendem. Desafiador é continuar feliz quando quem está ao seu lado está para baixo. Desafiador é continuar feliz sozinho. Sem depender da aprovação, do aplauso ou da alegria de ninguém.

Encontre esse lugar de alegria e felicidade dentro de você. Sozinho. E aí você sai pra contagiar o mundo.

Não espere ser contagiado. Contagie.

Não espere a alegria dos outros. Leve alegria para os outros.

E levante-se novamente depois de cair… Porque é fato que isso vai acontecer :)

Gustavo Tanaka

O que leva um executivo a largar uma carreira promissora em empresa multinacional, largar diferentes empreendimentos e seguir um chamado do coração? Gustavo Tanaka revela em seu primeiro livro“11 Dias de Despertar – Uma Jornada de Libertação do Medo”como esse processo de busca por propósito que já durava alguns anos o levou a ter as respostas que sempre procurou. O autor compartilha conosco sua jornada, quando chegou a um limite pessoal, pediu ajuda e, repentinamente, passou a formular perguntas e ter respostas imediatas de uma Fonte superior, levando-o ao que ele designa “meu” processo de despertar. Facebook.

 


Meus projetos

Se esse texto ressoou e você sentir vontade de retribuir, você pode fazer uma contribuição para ele clicando aqui.

Eu serei grato por poder seguir compartilhando textos livremente…

Vá para cima