Lendo agora
Sobre uma experiência de jejum por 7 dias: benefícios e dicas

Sobre uma experiência de jejum por 7 dias: benefícios e dicas

Avatar

Por Gabi Picciotto*

Quando pensamos em jejum, normalmente nos lembramos de rituais religiosos, protestos políticos ou até dietas focadas em emagrecimento, mas estudos comprovam que se abster de comida por alguns dias pode trazer incríveis benefícios para a saúde.

Focada em experimentar os benefícios espirituais e físicos do jejum, resolvi passar pela experiência de me abster de comida e beber apenas água por sete dias consecutivos.

Nesse texto, pretendo compartilhar os motivos que me levaram a fazer tal jejum, como foi o processo e dicas para quem quiser passar por uma experiência similar.

Gabi Picciotto

Por que jejuar?

O ato de jejuar por longo período, isto é, por alguns dias, nos traz diversos benefícios espirituais, mentais, físicos e até emocionais. Abaixo eu listo os que julgo serem os principais:

  • Reduz os riscos de doença arterial coronariana e diabetes (de acordo com o Centro Médico de Intermountain)
  • Ajuda a ter alterações significativas nos níveis de colesterol no sangue (de acordo com o Centro Médico de Intermountain)
  • Estimula as células estaminais a produzir as células que combatem as infeções (de acordo com Universidade da Califórnia)
  • Faz com que o organismo descarte as partes do sistema imunitário que possam estar danificadas ou sejam ineficazes (de acordo com Universidade da Califórnia)
  • Induz um processo de reparação celular, removendo impurezas (de acordo com The Scripps Research Institute)
  • Apoia no incremento do hormônio do crescimento humano e elevados níveis desse hormônio facilitam a queima de gordura e o ganho de músculos (de acordo com Universidade de Virgínia)
  • Ajuda na perda de peso
  • Permite uma observação atenta da nossa mente e compreensão hábitos em relação aos alimentos. Esse entendimento nos ajuda a repensar nossa forma de se alimentar o que pode apoiar na busca de uma alimentação mais saudável
  • Ajuda em processos espirituais facilitando experiências em termos de estados, como, por exemplo, nas práticas meditativas
  • Pode nos ensinar a perceber como nossas emoções afetam nossos hábitos alimentares e a fazer novas escolhas em relação a isso

No que consiste um jejum de sete dias:

Um jejum de 7 dias é uma experiência na qual a pessoa deve passar 7 dias ingerindo apenas água mineral. Nenhuma comida sólida ou outro líquido que contém nutrientes (como sucos, leite, refrigerantes, etc) são permitidos. É possível beber tanto água natural, como quente ou fria. Alguns aconselham beber cerca de 2 litros de água por dia, outros o quanto o seu corpo pedir. No meu caso, eu segui o segundo conselho.

Como foi o meu processo:

Eu já havia feito jejuns de 1, 2 e 4 dias consecutivos e uma experiência de maior duração em um retiro, mas nunca havia ficado 7 dias sem comer mantendo minha rotina.

De certa forma, passar pela experiência em um retiro foi mais fácil, pois estava em um ambiente e contexto que incentivavam a prática além de ter um grupo de pessoas que estava fazendo o mesmo.

Por outro lado, fazer isso mantendo minha rotina foi uma experiência muito mais intensa e que me trouxe insights sobre minha forma de me relacionar com o alimento que não tinha tido no retiro.

Eu escolhi manter exatamente a mesma rotina que costumava ter antes do jejum, fazer atividades físicas pela manhã, manter minhas práticas meditativas, meditar e estudar.

Nos primeiros dias de jejum minha maior dificuldade foi segurar a fome, principalmente pois eu cozinhava para o meu marido diariamente. No início eu consegui manter minha rotina inclusive de exercícios aeróbicos de maior impacto, como corrida e bicicleta.

Nos últimos dia, a fome praticamente desapareceu, mas me senti mais fraca, com mais sono e não fui capaz de manter os exercícios aeróbicos de alto impacto, apenas caminhadas e musculação.

Em termos emocionais eu me senti muito bem, me senti mais leve e o processo ajudou muito nas minhas práticas meditativas. Percebi também uma maior clareza mental.

Na minha página do Facebook eu gravei e postei vídeos diários sobre a experiência, segue o link: https://www.facebook.com/thesunjar

Em resumo, eu gostei muito de passar pela experiência, recomendo fortemente e pretendo repeti-la com mais frequência.

Algumas dicas para quem deseja passar pela experiência:

A minha primeira dica é sobre enfrentar ou desmistificar seus medos. É comum acharmos que ficar sem comer por tanto tempo pode ser mais uma tortura do que algo que nos traz incríveis benefícios. É comprovado que um ser humano saudável pode ficar SEMANAS sem comer. Antigamente, nossos antepassados viviam da caça e só comiam quando achavam algum animal pra caçar e, assim, podiam ficar dias e mais dias sem comer. É tudo uma questão de educar nossa mente, de tentar rever esse conceito dentro de nós. Eu fui capaz, então provavelmente você também pode ser J. Agora é claro, se você tem algum problema sério de saúde ou está grávida, um jejum assim pode ser muito perigoso.

A minha segunda dica é sobre não fazer de cara um jejum de 7 dias, mas ir acostumando o corpo e a mente aos poucos. Comece fazendo de um dia, depois passe para dois, quatro e quando se sentir preparado siga para os sete dias.

A terceira dica é sobre não se assustar caso você se sinta tonto, com náuseas ou fraco durante algum dos dias do jejum. É normal passar por isso a primeira vez que fazemos o jejum, nosso corpo não está acostumado. Se isso acontecer beba água e vá descansar. Se não passar em algumas horas ou persistir durante vários dias, isto é, se em todos os dias do jejum você se sentir mal, ai aconselho parar. No meu caso, quando me senti mais fraca eu deitei um pouco, bebi água e melhorou.

Uma coisa engraçada, é que muita gente começa a se interessar em ver receitas ou fotos de comida, até a sonhar com comida. Eu comecei a ver tutoriais de receitas e um dia sonhei que tinha esquecido do jejum e comido um sanduiche, acho que reflete o vício de nossa mente pela comida.

Também me falaram que no período de desintoxicação muitas questões do inconsciente podem vir a tona, termos sonhos mais intensos e até nos deparar com questões emocionais mal resolvidas. Isso não aconteceu comigo, mas caso aconteça com você, como alguém que trabalha com desenvolvimento humano, eu sugiro que aproveite dessa oportunidade, se for algo muito forte para lidar sozinho, procure um terapeuta ou coach, mas não deixe esse momento passar batido pois pode trazer profundas transformações.

Resumidamente, essa foi minha experiência! Me diga o que achou ai nos  comentários e se tiver alguma dúvida com a qual possa ajudar, também escreva nos comentários que terei o maior prazer em responder!

Gabi-Picciotto-2*Gabi é Co-criadora do Curso Integral Way, Gabi é Master Coach Integral, especialista em propósito de vida e na utilização da abordagem integral como alavanca de mudanças sustentáveis em pessoas e organizações. Fundadora do The Sun Jar, atua como coach, palestrante e consultora integral apoiando pessoas e organizações no alcance de uma vida mais plena e com sentido. Gabi também é colaboradora do Nowmastê. Para mais informações acesse: www.thesunjar.com

 

Veja comentários (5)
  • Boa tarde ao ver esse testemunho sobre o jejum fiquei animada em fazer
    Fazia aoenas de 3 dias sem comida e bebida
    Ao voltar do jejum tenho uma dica:
    Beber água aos poucos pois a garganta sente, faça um suco de cenoura e beba aos poucos e vai ver q a irritação da garganta logo passará.
    E afirmo q quando vc faz pra Deus ore a cada 3 horas e verás o resultado!! Alcancaras coisas impossíveis em Deus!!

  • Estou fazendo jejum de 7 dias e você é das minhas consegue fazer jejum e continuar com a rotina… Já fiz jejum muitas vezes mas nunca fiz um relatório.. Jváfiz vários jejuns de 10 dias também bom pra mim dar no mesmo 7 ou 10 dias… A única coisa que às vezes me tirar a concentração é a ansiedade.. Trabalho com comidas e a todo momento estou sentindo cheiros e vendo delicias… É isso que me dar um pouco de ansiedade. Mas fora isso tudo de bom… Teria muito pra fala depois de tantas experiências mas aqui não dar.. Bjo e tudtuo bom

  • É maravilhoso, se vc tem um problema de comer muito o jejum é bom para reaprender a comer, e devido a contração do estômago sua capacidade é diminuída.
    Vou começar a fazer ao menos uma vez ao mês

Deixe uma resposta

Vá para cima