Lendo agora
Relaxe. Nada está sob controle

Relaxe. Nada está sob controle

Avatar

Por Marcia Freire Mello*

Essa frase que é tão simples e que soa até engraçada, foi um dos grandes aprendizados que tive na vida. Algo que tento incorporar diariamente na minha vida.

O querer controlar como as coisas vão acontecer na nossa vida é algo que nunca vamos conseguir.

Se pensarmos desde quando a memória alcança, a vida deixa isso bem claro. Tudo que ficamos imaginando como seria: o dia seguinte na escola, o primeiro beijo, o acampamento, o grande dia da festa de formatura.

Tudo prova para a gente, o tempo inteiro, que nada acontece como havíamos planejado – não é possível controlar.

Às vezes somos surpreendidos com algo melhor do que podíamos sequer pensar e outras vezes temos expectativas que são frustradas, mas o fato é: nunca é como pensamos, nunca acontece exatamente como imaginávamos.

E assim é. E assim sempre será. A gente pode até caminhar no sentido que escolhemos, podemos fazer planos e isso é maravilhoso. Mas o trajeto, como a situação real que vai acontecer é um conjunto muito complexo de coisas e que não cabe apenas a você, mas inclui: o outro, o Universo, a situação, como quer que ela se dê naquele exato momento que irá “para o ar”.

Talvez que por não querermos lidar com a tremendo frio na barriga que esse “não saber o que vai acontecer” nos coloca, fomos atrás do controle. Do fazer algo para garantir o que vem depois.

Acreditamos em algum lugar dentro da gente que se fizermos tudo igual, se seguirmos sendo aquela pessoa que sempre fomos vistas (boazinha ou rebelde, de coração gigante ou egoísta, social ou anti-social e engraçada ou mau-humorada), se nos comportarmos bem, os resultados serão igualmente “bons”, sempre.

E aí então, nessa crença do controle, não corro grandes riscos, não me encorajo para fazer grandes mudanças na minha vida, não me arrisco ser algo diferente do que eu já conheço. E aqui é onde criamos a nossa famosa Zona de conforto, que de confortável não tem nada. Deveria inclusive se chamar Zona de segurança, pois achamos que aí estamos seguros, que temos garantias de alguma coisa. E nessa crença de segurança e ambiente controlado chega uma hora que olhamos para o resultados final. Chega uma hora que paramos e nos olhamos com verdade e vemos a nossa vida como ela é e sabemos, lá no fundo do coração que tem algo faltando.

E a verdade é que não há como controlar: nem o outro, nem uma situação e nem a nós mesmos, e isso é vida: lidar com o que se apresenta.

Se o objetivo da vida fosse contar uma história que já sabemos estaríamos mortos – mas estamos vivos, estamos aqui sentindo, com o sangue correndo nas veias, com as emoções indo e vindo, com as oportunidades, relações e escolhas sendo tomadas a cada instante.

Estamos diariamente descobrindo tudo: quem somos, o que precisamos fazer naquela situação, o que fazemos de forma brilhante, o que precisamos nos aprimorar, com o quem eu voo, com quem eu me paraliso. E todas as descobertas são igualmente preciosas para nosso caminho.

No querer controlar vamos para fofoca, indignação, vitimização, drama. No fluxo, vamos para a vida como ela é: cheia de adversidades, dificuldades, alegrias, tristezas sem fim, risos, choros, reconhecimento das nossas fraquezas e abraços cheios de amor.

A felicidade para mim é uma busca a partir daí. Da constatação que estar vivo é lidar com essa loucura que é viver, e sentir o calor das coisas e lidar com esse turbilhão que temos dentro da gente.

E então vem o “Relaxe”. Imagine só poder relaxar nessa constatação de que viver é uma grande montanha russa. Imagine dormir sem pensar no amanhã, viver o presente fazendo apenas o nosso melhor, sem expectativas.

*Marcia Freire Mello é consultora de Inovação e empresária . Ela juntou Marketing, negócios e pessoas e agora tem uma metodologia poderosa para ajudar as pessoas a abrirem a cabeça e transformarem as empresas e pessoas. O Be Project, a empresa da qual ela é criadora, consiste em projetos de consultoria para abrir a cabeça e cutucar as pessoas para que saiam da zona de segurança e promovam as mudanças que desejam nas empresas, produtos e projetos corporativos que estão envolvidos. Através de bate-papo, LABs, técnicas como improviso e constelação e conteúdo científico e claro, a equipe do Be Project deseja formar pessoas mais empoderadas, espontâneas e com coragem para errar e acertar. Assim, co criação, inovação e resultados concretos em vendas e desempenho acontecem naturalmente.

Contatos: (11) 9 6393-9816/ [email protected]
http://www.beproject.com.br

Veja comentários

Deixe uma resposta

Vá para cima