Lendo agora
Mensagem de 2034. Canalização de um tempo possível

Mensagem de 2034. Canalização de um tempo possível

Adriana Calabro

comunidade

Se estamos em uma nova ordem nos dias de hoje não é por acaso. Há 20 anos, um grupo de 55 pessoas se reunia no lugar exato onde reside o pote de ouro, no fim do arco-íris. Quando chegaram, ainda havia fuligem sobre sua pele, ciscos nos seus olhos, poeira em seus cabelos emaranhados. Mas não por encanto, mas, sim, pelo desejo de um coração com 55 pulsações, formou-se uma tempestade de amor. E um vento forte, colorido, aromático, rodopiou ideias, crenças, cabelos, conceitos e tudo pareceu se ajustar, se encaixar.

Ao tomarem suas estradas rumo às diversas moradias, cada uma daquelas 55 pessoas contagiou mais 55 pessoas a cada semana. E as próximas 55 faziam o mesmo, e o mesmo. O museu de sonhos se espalhou, tomou corpo, ganhou exposição. E as visões de mundo, no início tão inalcançáveis, tornaram-se o próprio mundo. Aquele que hoje vemos. Que sentimos. Que saboreamos.

Hoje, com a certeza da possibilidade, rimos e nos surpreendemos a cada instante. Juntos.

caneta2

E precisamos recorrer aos escritos antigos para entender o sofrimento. Para relembrar como é nefasto o poder das crenças e, assim, nunca mais, em qualquer tempo, padecer de seu feitiço.

Eu, pessoalmente, sinto-me grata, pois tive a chance de viver esses dois mundos.

Como uma sobrevivente de guerra, vi o caos e a paz. Via a discórdia e o uno. Vi os grilhões de ferro e o mais alto voo da águia.

Hoje sou livre. O legado deixado por mim foi o de tudo que realizei sendo um canal. Um canal do que é mais perfeito e real. Agora entendo que a arte, tão valiosa para mim, é uma das manifestações do amor. Uma releitura que explode em palavras, em imagens, em diálogos, em movimentos de dança, em  notas, traços e formas.

O que realizei não é só meu, mas do mundo que ajudei a construir. Naquele dia, há 20 anos, havia outras manifestações desse amor pleno brotando das fontes. A educação, a sustentabilidade, o fazer artesanal, a capacidade de integração, a beleza, a matemática estavam presentes  em outros canais, outras pessoas. Os 55 buscadores, em sua multiplicidade, e por causa dela, multiplicaram o amor, a verdade. Fizeram a diferença.

Hoje, o conceito de herói é muito diferente do daquele tempo. Mas, sim  podemos dizer que eles foram heróis por receber o futuro com tanto respeito e sutileza. E por serem guardiões da luz que hoje brilha, resguardada em uma floresta mítica e mágica, sem tempo, nem lugar.

Essa é a história. Esse é o mistério.

E fazer parte dele é um privilégio.

painel-lapis-de-cor1

 Mensagem canalizada por Adriana Calabró, do espírito de Adriana Calabró quando voa.

(Produzido durante o encontro Youniversality, lindo trabalho de autoconhecimento promovido por Renata Rocha)

Veja comentários

Deixe uma resposta

Vá para cima