Entusiasmo – a força motriz da vida

Por Anderson Allegro* do Aruna Yoga


Você já sentiu entusiasmo por alguma coisa? Pela sua prática de Yoga? Por uma pessoa? Por um projeto pessoal? Se já se sentiu entusiasmado, conhece o poder desse sentimento!

A palavra “entusiasmo” tem sua origem na mitologia de Dioniso, o deus grego que criou o vinho. Quando os devotos de Dioniso tomavam o vinho, sentiam-se conectados com seu deus e poderosos como ele. Era nesse momento que sentiam a chegada de Dioniso, que possuía cada devoto. Esse estado foi chamado de entusiasmo (en+theós). Em significa dentro e theós, deus. Assim, entusiasmo é o momento em que sentimos que um deus está dentro de nós, que somos co-participantes da divindade e criamos junto com os deuses.

Estar preenchido pelos deuses é um estado de poder. Quando estamos entusiasmados, nada nos parece impossível. Temos energia para criar, para modificar, para convencer os outros. Nada nos abate, nada nos detém. Sentimo-nos como deuses.

Colocar essa energia em nossos projetos faz com que eles se realizem. Quando estamos entusiasmados com algo somos criativos e aperfeiçoamos aquilo em que estamos trabalhando, somos capazes de perceber os pontos falhos e melhorá-los, sem desanimar. Pessoas entusiasmadas são pessoas que realizam seus sonhos!

Dicas para se entusiasmar:

  • Veja se seu projeto é bom para você e para aqueles que estiverem envolvidos. Nada que nos beneficie, mas prejudique outros, será motivo para entusiasmo. A mente humana não foi feita para buscar benefícios unilaterais.
  • Converse sobre seus projetos com pessoas otimistas. Elas podem colocar uma boa dose de entusiasmo em você. Evite falar com os pessimistas e com os medrosos.
  • Seja ousado. A ousadia, costuma trazer entusiasmo pelo que é novo e por possibilidades diferentes das atuais.
  • Pratique a respiração alternada (Nadi Shodhana) do Yoga. Essa respiração ajuda a manter o equilíbrio mental e emocional, eliminando a ansiedade, que mina o entusiasmo.
  • Pratique o Ardha Chandrásana. Essa posição aumenta os hormônios que nos dão autoconfiança e entusiasmo.

Nota do Nowmastê: Se você como eu se confundiu com o nome da postura da foto, entenda que no Iyengar Yoga, o Ardha Chandrásana é aquela postura lateral da lua crescente. Mas na Bihar School of Yoga, a escola do Anderson, é essa posição que está na foto do post. 😉

Foto: Fábio Chelini

*Anderson é professor de Yoga há mais 30 anos, apaixonado pela prática e filosofia. É discipulo de Swami Satyasangananda, da Bihar School of Yoga e criador do CD Yoga Nidra. Dirige o Aruna Yoga www.arunayoga.com.br

2 Comentários

  1. Quero conhecer melhor yoga e participar das atividades. Acho que e isso que estou precisando.

Deixe uma resposta

Por uma vida mais consciente

Você quer receber as novidades e promoções do Nowmastê no seu e-mail?