Do Lodo ao Lótus – a história do preso que se transformou pela Yoga

Do Lodo ao Lótus (2004) é o documentário do fotógrafo matogrossense Marcelo Buainain que conta um pouco da história de Luiz Henrique Gusson, preso condenando a 14 anos de prisão por diversos crimes. Ainda quando estava preso, aguardando sua sentença, Gusson leu o livro Autoperfeição com Hatha Yoga do Professor Hermógenes. O que aconteceu a partir dali e está no documentário é uma transformação de encher a alma.

“O lótus é símbolo de grande pureza no Oriente, por ser a flor delicada que brota das águas lodosas, sem, contudo, deixar-se contaminar pela lama e pela sujeira. Em meio ao lodo, o lótus permanece intocável e imaculado. Nenhuma partícula de poeira a ele adere. O lótus possui a peculiar e misteriosa capacidade de repelir partículas de poeira e micro-organismos. Como o lótus, a flor mais pura, que nasce da lama, o ser humano tem a chance de revolucionar-se completamente, transformando-se no lótus, a joia que surgiu do lodo. Quando transforma as cadeias de causas e efeitos que lhe cercam, e seus próprios erros, em aprendizado profundo, o ser humano se eleva glorioso acima das impurezas e adversidades do mundo, transformando-se em senhor – e não em escravo – de suas emoções, de si mesmo, e de seu destino. A vida são escolhas de momento em momento. A todo momento, consolidas ou mudas as consequências de teus passos. O que escolhes agora?”

Um Comentário

  1. Maravilhoso! Tive a honra de desfrutar alguns encontros com o Hermógenes! Luminoso ser!

Deixe uma resposta

Por uma vida mais consciente

Você quer receber as novidades e promoções do Nowmastê no seu e-mail?