Conheça três posturas de Yoga para aperfeiçoar seu surf

Giselli Duarte*, fotos de Fernando Carrilho em Icaraí, Niterói

Pode até não parecer, mas o Yoga e o surf são atividade complementares.  Os benefícios tanto corporais, quanto mentais que o Yoga pode trazer para o seu surf são imensuráveis. Então, para você sentir esse gostinho, vou te dar algumas dicas para você aplicar no seu dia a dia junto com surf.

Os principais benefícios físicos para surfistas que praticam Yoga são o aumento da flexibilidade, da força, da consciência corporal e da concentração. Isso traz ao surfista a capacidade de superar seus limites com consciência e uma clareza mental que o deixa mais confortável em situações extremas, realmente doloridas e exigentes.

O sal purifica a alma e o corpo por ter efeitos laxantes quando ingerido, a falta de ar embaixo d’agua limpa os pulmões e purifica o sangue quando o ar fresco é respirado. Quando o surfista encontra o Yoga, conhece paciência, concentração, elasticidade, maior conexão não apenas com a natureza externa, mas seu Eu interior.

A seguir, te mostrarei três asanas (posturas), que você pode aplicar em seu dia a dia e sentir o gostinho desses benefícios que a Yoga traz a seu surf.

HALASANA

Halasana, ou postura do arado, ajuda no relaxamento e serve para acalmar os nervos. Ao todo os benefícios são o alongamento da coluna, melhora na irrigação do sangue no cérebro, massagem nas vísceras abdominais estimulando os rins e intestino, além de eliminar o stress.

Como fazer:

  1.  Deite de barriga para cima e eleve as pernas e quadril para trás da cabeça, tentando tocar o chão com os pés. Segure as costas com as mãos caso seja necessário.
  2. Após se firmar na posição alongue os braços em direção oposta a das pernas (caso você consiga tocar o chão com os dedos dos pés).
  3. Se mantenha nessa posição inicialmente por trinta segundos.
  4. Lembre-se de não olhar para os lados e manter a curva do pescoço enquanto estiver na postura.

PRASARITA PADOTTANASANA

Prasarita Padottanasana, ou postura de alongamento intenso com os pés afastados, trabalha e alonga as pernas, além de fortalecer a nossa espinha dorsal e ajudar no combate de enxaquecas, cansaço e baixo ânimo e melhorar nossa circulação sanguínea.

Como fazer:

  1. Comece na postura da montanha, em pé e ereto com os braços descansados ao lado do corpo.
  2. Respirando normalmente, dê um passo para lateral para abrir as suas pernas em pouco mais de um metro.
  3. Inspirando, levante os braços acima de sua cabeça.
  4. Expirando, incline-se para frente com as costas retas, utilizando somente o quadril e olhando para frente.
  5. Inspire e respire uma vez mais, abaixe ainda mais a sua cabeça, relaxando bem o seu pescoço.
  6. Coloque as palmas das suas mãos no chão e respire profundamente.
  7. Se possível segure os dedões do pé e abra os cotovelos.
  8. Mantenha-se nesta posição por mais ou menos trinta segundos e volte a posição original com calma e leveza.

PURVOTTANASANA

Purvottanasana, ou a postura de alongamento anterior voltado para o nascente, fortalece punhos, braços e pernas, aumenta a flexibilidade dos ombros, alonga intensamente toda a região anterior do corpo, aumenta a vitalidade, ao abrir o peito, melhora a qualidade da respiração.

Como fazer:

  1. Comece o seu asana, sentado em posição mantendo a coluna e as pernas retas.
  2. Coloque as mãos no chão ao lado do seu corpo e ligeiramente atrás de seus quadris. Os dedos devem apontar para frente na direção a seus pés.
  3. Dobre os joelhos de forma que a sola de seus pés fique no chão.
  4. Deixe os pés na largura dos quadris.
  5. Pressione as palmas das mãos firmemente contra o chão.
  6. Levante os quadris até que seu corpo formar uma linha reta.
  7. Sua coluna e as coxas devem ser aproximadamente paralelas ao chão.
  8. Mantendo os quadris imóveis, tente endireitar as pernas.
  9. Tente levantar os quadris um pouco mais. Lembre-se: não esticar seu corpo além de sua capacidade.
  10. Permaneça firme nesta posição por 30 segundos e solte.

Pratique esses 3 asanas e você já poderá sentir no seu dia a dia e no seu surf alguns benefícios.

Atenção: 
Estas dicas não substituem um professor de Yoga. São disponibilizadas apenas para que o praticante possa aprimorar sua técnica e sua prática pessoal. No início, a prática sob a supervisão cuidadosa de um instrutor preparado e competente é essencial para o sucesso na prática, bem como para evitar lesões.

Boa prática.

*Giselli é profissional graduada em marketing, sempre em constante busca por conhecimento. Estudou coaching e vivenciou técnicas de programação neurolinguística (PNL) através do programa Leader Trainning. Dentre outras formações e especializações voltadas ao marketing estratégico e empresarial, iniciou uma jornada rumo ao autoconhecimento, se aprofundando em técnicas como o Reiki (grau I, II e III), meditação e hatha yoga e nas horas vagas adora surfar e fazer trilhas.

Deixe uma resposta

Por uma vida mais consciente

Você quer receber as novidades e promoções do Nowmastê no seu e-mail?