Como tratar a obesidade – Por Dr. José Ruguê

Matéria dos amigos da Revista Yoga Journal:

Medidas do Ayurveda para curar e controlar esse distúrbio
Fotos: Ilustração: Eva Uviedo

obesidade

Vamos descrever os métodos de tratamento (chikitsa) com os quais o Ayurveda pode contribuir para curar, controlar e preve­nir recidivas para evitar suas consequências.

Na minha experiência tratando pessoas com sobrepeso dese­josas de encontrar abordagens mais naturais e efetivas para seu problema, tenho percebido que opanchakarma é a chave do tra­tamento e da manutenção, por ser um problema crônico. Pelos próprios mecanismos físicos, psicológicos e ambientais relaciona­dos com o sobrepeso, frequentemente a prescrição de dieta, ervas medicinais e estilo de vida semshodhana – intenso e concentrado método de desintoxicação celular profunda – é frustrante para a pessoa em tratamento e para o médico.

Recordo aos leitores que panchakarma é composto dos cinco (pancha) processos (karmas) chamados vamana (vômito terapêuti­co), virechana (purgação), basti (que eu denomino “tratamento eco­lógico do intestino grosso”, os enemas), nasya(desintoxicação de cabeça e face, via mucosa nasal) e rakta mokshana (desintoxicação do sangue). Esses processos exigem profundo conhecimento e treina­mento específico e, obrigatoriamente, devem ser acompanhados por médicos que tenham experiência nas indicações, adaptação de acordo com características específicas da pessoa, identificação dos efeitos colaterais, complicações e como tratá-los.

Minha experiência com o uso dos dois métodos – o ambulato­rial, nas diversas clínicas onde atendo, e o método tipo interna­ção – no tratamento da obesidade tem sido muito gratificante, mas sou amplamente favorável a esse último, tal como realiza­mos no Ashram Suddha Sabha, agora também chamado Parmar­th Yoga e Ayurveda Kendra – Centro de Yoga e Ayurveda para o benefício de todos, próximo a Uberlândia (MG).

Vou dar aqui algumas recomendações e diretrizes gerais e sim­ples para esses processos de controle da obesidade:

Dipana (estimular o fogo digestivo)

✦ Use alimentos e ervas medicinais picantes, amargas e adstrin­gentes como: gengibre, cominho, cúrcuma, pimenta-do-reino, pippali, vacha, guduchi, melão de São Caetano, shilajit, mel, triphala, buttermilk, garcinia.

✦ Beba água morna ao longo de todo o dia.


Ama Panchana (digerir as toxinas)

✦ Restringir a dieta evitando alimentos pesados para a digestão, gordurosos, cremosos, frios.

✦ Chás de ervas como chá verde, manjericão, gengibre e outros.

✦ Guggul: Comiphera mukul. Gostaria de destacar um grande núme­ro de trabalhos científicos sobre a resina desta planta que tem um extraordinário efeito de reduzir o tecido gorduroso, melhorar a microcirculação, reduzir o colesterol e tratar a artrite reumatoide

✦ Bastis (enemas) tipo niruha (de decocto), com ervas como Dashmul, Mandanphal, erandamul (a raiz da mamona).

Lekhana (reduzir tecido gorduroso)

✦ Evitar leite, arroz e trigo e substituir por cevada, cevadinha e painço usados como farinhas com cozidos como arroz e legu­minosas secas e levemente torradas (cuidado com o sal).

✦ Não tomar excesso de água fria. Preferir chás e buttermilk com mel e cominho.

Udvartana (perder peso)

Um interessante procedimento ayurvédico no qual pequena quantidade de óleo de mostarda é aplicada sobre a pele, segui­da de aplicação vigorosa de pós secos de ervas como triphala, vacha, musta (a nossa tiririca) e manjericão.

www.yogajournal.com.br

Deixe uma resposta

Por uma vida mais consciente

Você quer receber as novidades e promoções do Nowmastê no seu e-mail?