Lendo agora
Casa Taiguara – Um projeto pela esperança

Casa Taiguara – Um projeto pela esperança

Nowmastê

“Transformação pela oportunidade” evento que acontece hoje no Tomie Otake é voltado ao trabalho da Casa Taiguara. O mestre de cerimônia será Dan Stulbach, e o show especial fica por conta de Arnaldo Antunes. Participações do coral Bacarelli, Clovis Barros Filho, John Lennon da Silva, Street Dancer que ficou conhecido nas redes sociais por sua representação do  Lago dos Cisnes. Mas afinal, o que é a Casa Taiguara? Bem, podemos dizer que é um trabalho social transformador.

Incomodado com o acúmulo de crianças e adolescentes no centro da cidade de São Paulo no início da década de 90, o industrial Daniel Fresnot decidiu agir. Com ajuda de voluntários franceses e brasileiros, a primeira Casa Taiguara foi fundada (01/04/1993) no bairro da Bela Vista, e à época, representava uma ação pioneira. Não havia abrigos que recebessem de forma permanente meninas e meninos com experiência de rua.

 

O modelo de trabalho era inovador, possibilitando o acolhido morar de fato na unidade, onde recebia apoio psicológico, social e jurídico, além de retorno à escola e inserção em atividades esportivas, lúdicas e culturais, tendo acesso também à alimentação de qualidade e grande calor humano. Quase 20 anos depois, os abrigos Taiguara multiplicaram-se e a instituição consolidou uma metodologia que foi reconhecida pela Prefeitura de São Paulo como referência para os serviços de acolhimento da cidade.

O abrigo Casa Taiguara das Expedições foi eleito pela SAS (Secretaria de Assistência Social) “Abrigo Modelo” e nossa entidade passou a colaborar com o Ministério do Desenvolvimento Social na construção de uma cartilha para Serviços de Acolhimento nacionais. Hoje, a entidade gere 3 abrigos e acolhe em torno de 900 crianças e adolescentes, anualmente. Desde o seu início, 17.000 crianças e adolescentes já foram acolhidos por nossa entidade. 

 Desejosos em atuar na melhoria da educação de base brasileira e apostando em projetos de capacitação e geração de renda. a entidade criou em 2009 o programa Casa Taiguara de Cultura Digital (CTC-Digital), que promoveria a oferta de cursos digitais voltados ao mercado de trabalho digital, ação efetiva que de fato poderia quebrar o ciclo de pobreza do atendido, conferindo ao estudante a possibilidade de alçar uma carreira altamente valorizada e bem remunerada. Atualmente, a CTC Digital disponibiliza 10 cursos (Web Design, Design, Game Design, Artes Gráficas, Modelagem 3D, Game Tester/Q.A, Adwords, Informática Básica, Programação Básica e Produção Audiovisual) e atende cerca de 320 estudantes ao longo do ano. Os cursos duram de 4 a 6 meses. O projeto atua no encaminhamento de seus formandos ao mercado de trabalho, identificando vagas e oportunidades relacionadas aos cursos.

 

Quando este adolescente completa 18 anos , ele tem sair da casa e procurar um trabalho .

Paulo Loeb, jovem empresário, muito engajado no 3º setor e voluntário da casa Taiguara ajudou na realização do evento e também busca parceria das empresas, assim, consegue colocar estes meninas e meninas no mercado de trabalho.

 

Veja comentários

Deixe uma resposta

Vá para cima