Achados e perdidos

Por Paula Zogbi*

Foto by Krissia Cruz on Unsplash

O planeta se encontra em um momento de latente transição. Logicamente convidando a todos para ver o brilho das estrelas e não mais as trevas. Estamos todos exaustos! A rachadura tem sido provocada por nós, não pela natureza. Nós, distantes de quem somos causamos as divisões, as rupturas. A cisão se inicia exatamente na perda de quem somos, sem sentirmos a necessidade, vontade, engajamento ou responsabilidade de reencontrar a nossa verdadeira natureza.

Temos ferramentas, as mais diversas. Temos pessoas para nos ajudar, para trocar visões e experiências. Temos profissionais e recursos. Temos os recomeços. Sempre!

O Yoga nos convida a descobrir novas posturas. Posturas físicas e posturas comportamentais mais elásticas para vivermos de maneira mais integrada, colaborativa, enriquecedora. A escuridão não existe. Ela é apenas a ausência de luz. Este é um momento muito propício para acionarmos o nosso interruptor.

Vamos nos achar, nos reacender?

*Paula escreve desde os 12 anos de idade, quando a busca pelo sentido da vida se iniciou subitamente em sua vida. Ir em busca de si e de algo maior não foi uma escolha. Foi a única forma de continuar sua trilha para entender o mundo e poder estar nele. Aos 17 deu início em sua carreira como redatora, escrevendo para publicidade, contos, curtas, muito imersa no aprendizado de roteiros de cinema. Sempre amou criar e narrar histórias sobre a vida, procurando expandir seu olhar sobre si e sobre o outro. O yoga entrou na sua vida na tentativa de conter seu excesso de energia, e foi onde aprendeu a canalizar sua vitalidade de maneira positiva e não mais como stress. Sempre teve um olhar apurado para o feminino, os gestos, os movimentos, os contornos, o que a fez praticar mais de 20 anos de dança – Ballet Stagium, Ruth Rachou, Ivaldo Bertazzo, e, a última delas, a do ventre, com Yasmin Namu por quase 6 anos. Em 2012 e 2013 se formou em terapias ayurvédicas e em 2014 transformou uma de suas paixões também em profissão: formou-se instrutora de Yoga pelo IEPY com a equipe do Prof. Marcos Rojo. Ao todo faz 19 anos que a prática do yoga faz parte inerente de seus dias, assim como a meditação. Atualmente é personal de yoga (principalmente para mulheres na menopausa) e também professora do Espaço Meraki de Yoga e Bem Estar.

Deixe uma resposta

Por uma vida mais consciente

Você quer receber as novidades e promoções do Nowmastê no seu e-mail?