Lendo agora
5 hábitos para as primeiras e preciosas horas do dia

5 hábitos para as primeiras e preciosas horas do dia

Avatar

Por Lila Guimarães* do blog Cena Crua

Quem inventou que rotina é ruim? A gente cisma em achar que essa palavrinha limita a vida a sistemas chatos e repetitivos, mas um dia a dia com folgas para a espontaneidade e foco para organizar o que importa nos faz alcançar metas, aos poucos e sem neura. Assim, fica mais fácil realizar projetos e sonhos, dos mais simples àqueles que são grandes desafios.

Por trás da rotina, ainda existem outras ideias associadas e que juntas agem de forma implacável: ânimo, disciplina e resiliência. Essa combinação pode parecer um pacote de sacrifícios, mas se assimilada de forma consciente e natural é o segredo do sucesso!

Cada um sabe onde o calo aperta, se está puxado ou folgado, quando temos que nos exigir mais ou relaxar. Talvez não seja tão fácil saber se estamos sendo bacanas conosco, mas sinais nos mostram como estamos lidando com o tempo e com os compromissos que assumimos.

O importante é não virar uma máquina que em pouco tempo pifa e nos faz andar dez casas para trás. Passar por cima de nossos limites machuca e frustra. Quebrar padrões comportamentais que não nos ajudam a progredir é saudável! Mas qual é o termômetro que indica o melhor caminho a seguir?

Se tivermos calma, somos mais capazes de perceber nossas tendências positivas e negativas e tentamos valorizar nosso potencial, ao mesmo tempo em que evitamos agir com mecanismos furados (no fundo sabemos o que fazemos de errado e como fazemos). Para isso, é preciso ter tempo! Assim, também evitamos pendências, atrasos e estresse.

Então, começar o dia cedo, otimizando a relação com as horas, é uma primeira providência! Já repararam que quando acordamos cedo dá tempo de fazer tudo o que planejamos e ainda muito mais?

Passou das dez da manhã não adianta nem tentar… o dia corre pelas mãos e o que vem a seguir é uma correria atrapalhada que não deixa nada fluir. Talvez porque o dia não tenha mais aquelas 24 horas, mas isso é uma outra questão. Por enquanto, vamos trabalhar com o que temos e valorizar as manhãs, usando-as da melhor forma possível antes de enfrentarmos um dia que promete ser muito produtivo!

Uma vez eu li um artigo sobre cinco hábitos matinais que me marcou e desde então tento aplicar essas ideias, do meu jeito, no meu cotidiano e passar as dicas para os amigos, boca a boca. Aqui vão elas e em ordem de importância.

Os benefícios são infinitos e o resultado quase imediato. Não custa tentar!

1- Uns minutos de introspecção. Assim que levantamos, nos espreguiçamos, afastando a preguiça e fazemos a nossa higiene básica. É ótimo tomar um copo d’água e nos acomodarmos em um canto quieto da casa. Pode ser perto de um oratório, no tapete da sala, ou numa almofada de meditação para aproveitar um tempo em silêncio, respirando com consciência profundamente de olhos fechados. É neste momento em que nos conectamos com nossa natureza, intuição e fé. Pode ser uma atividade associada a um estado religioso, como uma oração ou simplesmente um momento de tranquilidade reservado à percepção de como estamos e do que precisamos naquele dia. Ligamos uma chave neste momento muito importante de força interior e de inteligência.

2- Uma boa alimentação, nutritiva e fresca, com suco ou chá, frutas da estação, pão, tapioca, mel, ovo, ou que acharem mais gostoso e leve. Isso é claro serve para que comecemos o dia com energia e possamos cumprir os próximos passos da lista. Quando estamos com fome, geralmente, não conseguimos nos concentrar em nenhuma outra atividade. Fazemos tudo com pressa só pensando em quando vamos poder comer, não é? Se antes de chegarem ao trabalho, sentirem fome novamente, mais frutas podem segurar o apetite até a hora do almoço.

3- Exercícios físicos que nos fazem liberar toxinas, respirar profundamente e suar, oxigenando todo o corpo e fazendo o sangue e a energia circularem melhor. Isso gera ainda mais vitalidade e nos deixa mais espertos e preparados para horas que passaremos sentados no escritório ou trabalhando em outros ambientes. Fortalece nossa coluna e espairece a cabeça! Além de injetar uma boa quantidade daquela outra palavrinha mágica: ânimo!

4- Saber o que está acontecendo no mundo, na cidade e no universo que envolve nosso campo de atuação profissional é importante para qualquer um. Separem um tempo no início do dia para atualização nas redes sociais e veículos de comunicação e leitura de artigos relevantes. Esse ritual inspira e recicla o olhar para projetos que estejam no radar!

5- Planejar os próximos passos e listar as tarefas do dia para criar um roteiro que nos faça perder menos tempo em deslocamentos, assim como priorizar e otimizar o que é importante, urgente e quem sabe até resolver algumas pendências. Quando já sabemos o que deve ser feito, desenhamos um dia que respeita o tempo previsto para cada atividade e se por acaso surgir um imprevisto, a tarefa estará sem o check, em destaque para ser resolvida no dia seguinte.

Se para realizar esses hábitos matinais é necessário acordar muito mais cedo, faça um teste e veja se consegue programar e obedecer o despertador. Caso seja impossível, tente usar o tempo de viagem até o trabalho (se você não trabalha em casa) para realizar os itens 4 e 5 da lista acima.

Os exercícios matinais podem não caber ou não combinar com o ritmo natural de algumas pessoas, mas não devem sair da lista de atividades diárias. Podem apenas ser transferidos para o final do dia ou no meio da tarde, entre um compromisso e outro, ou como alguns preferem na hora do almoço.

Nada aqui é regra, tudo é sugestão e inspiração para fazer a vida mais funcional e inteligente! Eu tento todo dia, nem sempre consigo. Nos períodos em que levo a sério este propósito de vida, termino meu dia como uma heroína, me sinto muito bem e tenho até um sono melhor. Além de perceber que meu rendimento aumenta, assim como a qualidade do trabalho focado, livre de afobação e feito com muito bom humor! Espero que tentem!

Foto: Victor Affaro

*Carioca radicada em São Paulo, Lila Guimarães é atriz, jornalista e editora em veículos que falam sobre comportamento, beleza, moda e viagens. Adora tudo que é temperado com arte, natureza e bem-estar. Cultiva as amizades como se o mundo fosse uma grande família e está sempre conectada a práticas e filosofias espirituais na busca por uma vida solar. Em seu blog, o carismático Cena Crua, ela compartilha os assuntos que mais gosta, desde projetos e iniciativas inovadoras até receitas saudáveis e ensaios reflexivos. Sua maior alegria é inspirar liberdade e autoestima, descobrindo o lado ótimo de tudo.

Instagram:@lilaguima
E-mail: [email protected]
www.facebook.com/cenacrua/
www.cenacrua.com.br

Vá para cima